Date – 12 abril, 2017

Itaperuna – Vinicius Lima Drink Masters – A noite dos seus convidados será inesquecível! Casamentos, Aniversários, Formaturas, Eventos Sociais e Empresariais. Ligue agora para (22) 99779-3050

Linhares – ES -Quarta-feira – 22:45 – Casa onde dormiam mãe e três filhos pega fogo

O Hospital Geral de Linhares informou que a família foi atendida e liberada no final da tarde

Uma casa foi tomada pelas chamas na manhã desta quarta-feira (12), no bairro Bebedouro, em Linhares. Quando o incêndio começou, uma mulher e os três filhos estavam dormindo. Vizinhos ajudaram a resgatar as vítimas.

Duas crianças de 6 e 5 anos dormiam na sala, uma no colchão colocado no chão e outra no sofá. A mãe estava no quarto com o bebê de apenas 8 meses.

Um vizinho precisou quebrar a parede da sala para entrar na casa e socorrer as vítimas. A família foi atendida e levada pela Central de Ambulância para o Hospital Geral de Linhares (HGL) por ter inalado a fumaça do incêndio.

O Corpo de Bombeiros informou que foi acionado às 7h27 da manhã e controlou o incêndio. As causas não foram identificadas. A família perdeu todos os móveis e eletrodomésticos.

O Hospital Geral de Linhares informou que a família foi atendida e liberada no final da tarde. Todos passam bem.

Fonte: Gazeta online

Itaperuna – Quarta-feira – 21:50 – Grave acidente na esquina da avenida Cardoso Moreira com Assis Ribeiro, veja vídeo, fotos e informações abaixo:

De acordo com as primeiras informações, uma moto que seguia pela avenida Cardoso Moreira colidiu com um carro tentava atravessar a avenida sentido Assis Ribeiro.

Segundo informações a mulher que pilotava a moto foi arremessada a aproximadamente 2 metros vindo a cair e sofrendo uma fratura grave no joelho esquerdo, e ainda se queixava de dores na cabeça.

O corpo de Bombeiros foi acionado e prontamente chegou ao local realizando os primeiros socorros e a encaminhando para uma unidade de pronto atendimento.

O motorista do carro nada sofreu.

Fotos vídeo e informações: Denny Cacciatore / Blog do Adilson Ribeiro

Quarta feira 22:06 – Helicóptero que caiu na Praia de Niterói tinha como passageiro parente de Rosinha Garotinho

O helicóptero caiu nesta quarta-feira (12) na Praia de Itacoatiara, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio.

Um dos dois tripulantes conseguiu nadar até a areia e foi hospitalizado. Outro está desaparecido: o sargento do Corpo de Bombeiros Fábio Pestana de Barros, primo da ex-governadora Rosinha Garotinho.

A assessoria de imprensa de Rosinha confirmou a informação e disse que “a família está muito abalada com o ocorrido”.

O acidente foi por volta das 18h30. Até as 20h20, mergulhadores do Corpo de Bombeiros seguiam fazendo buscas por Fábio. Após o acidente, a aeronave submergiu.

O também bombeiro Paulo Roberto de Andrade Costa, que conseguiu escapar, foi levado pelos bombeiros para o Hospital Azevedo Lima. O estado de saúde dele não foi informado.

Segundo informações do 4º Gmar – Quarto Grupamento Marítimo de Itaipu, Fábio e Paulo Roberto são pilotos do Corpo de Bombeiros.

A Polícia Militar também está auxiliando nas buscas por sobrevivente na queda da aeronave, com apoio de policiais da 7ª UPAm- Unidade de Policiamento Ambiental.

Informações: G1

Fotos: Eduardo Boamort

Relembre:

Quarta Feira – 19:55 – Helicóptero cai em praia de Niterói – RJ

Duas pessoas estavam na aeronave no momento do acidente

Um helicóptero caiu nesta quarta-feira (12) na Praia de Itacoatiara, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. A informação foi confirmada pela Polícia Militar, que enviou uma equipe para o local. O Corpo de Bombeiros informou que o quartel de Itaipu foi acionado às 18h40 para a região. Segundo o Corpo de Bombeiros, o helicóptero caiu no mar e submergiu. Uma das vítimas conseguiu nadar até a praia e se salvou. Haveria uma segunda pessoa na aeronave e os bombeiros ainda fazem buscas no local. Ainda não há identificação das vítimas.

..

 

Fonte: G1-RJ / imagem ilustrativa

Itaperuna – Quarta-feira – 21:05 – Leitora reclama da quantidade de pernilongos no Vale do Sol

” Adilson publique no Seu blog, que não estamos aguentando Mais de tanto pernilongos, essa noite Eu não dormi de tanto pernilongo,por favor peça  o prefeito  Pra toma uma providência,e no bairro vale do sol”

Fotos e informações enviadas ao Blog do Adilson Ribeiro via WhatsApp (22) 99601 1115

Itaperuna Quarta-feira 21:45 – Desembargador Itaperunense reafirma que não é Corrupto e diz que continua de cabeça erguida. Veja abaixo o que ele postou em seu perfil no Facebook:

Luiz Leite Araújo‎

Modéstia a parte,

não sou corrupto,
nunca recebi propina.Desembargador
Luiz Leite Araújo

Como todos sabem, sou Desembargador aposentado, após trinta e cinco anos de Magistratura, sem nunca ter recebido qualquer sanção disciplinar, nem mesmo uma advertência.
Durante toda minha vida, procurei pautar minhas atividades, no trabalho e pessoalmente, dentro dos padrões de honestidade que me foram passados por meus honrados pais, pelos ensinamentos e pelo exemplo, e também de toda minha família e de meus amigos, especialmente, de nossa querida terra de Itaperuna.
Portanto, data venia, quero afirmar e reafirmar que não sou corrupto, nem nunca recebi propina, nem em minha atividade de magistrado, nem em minha vida pessoal.
Pelo contrário, no exercício funcional como Juiz de Direito e como Desembargador, através de sentenças e de acórdãos, além de ter absolvido muitos inocentes, condenei e mandei para a cadeia mais de três mil agentes infratores, e apliquei mais de dez mil anos de condenação dos mesmos em penas privativas de liberdade – de reclusão e de detenção, e ainda penas restritivas de direitos.
Dentre os muitos e muitos processos que examinei e julguei na oportunidade que integrava o Órgão Especial do Eg Tribunal de Justiça, em julgamento colegiado, fui Relator do Mandado de Segurança 0052853-69.2099.8.19.0000, de numeração antiga 2009.004.00187, impetrado pelo Conselheiro José Gomes Graciosa, do Tribunal de Contas do Estado, contra a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro e contra a Comissão Parlamentar de Inquérito instaurada pela Resolução 591 de 2009 da ALERJ, em cujo processo foram admitidos como litisconsortes ativos, entre outros, os Conselheiros do mesmo TCE José Leite Nader e Jonas Lopes de Carvalho.
Não se tratava de um processo para julgamento singular, ou seja, pelo próprio Juiz, mas de um julgamento colegiado, no caso em tela, julgamento por vinte e cinco Desembargadores ao mesmo tempo, sendo eu Relator.
Nos referidos autos, logo no início, em 09/março/2009, concedi liminar parcialmente para sustar a convocação do impetrante, ou a desconstituir se já determinada, para prestar depoimento perante a mencionada CPI.
No mandado de segurança não se examina mérito da acusação, mas, apenas, a legalidade ou ilegalidade processual em questão, e o direito líquido e certo do impetrante.
A referida liminar, apesar de decisão pessoal minha, como Relator, foi objeto de recurso de agravo regimental para o Órgão Especial do Tribunal de Justiça, que, por maioria de votos dos Exmos Desembargadores, foi negado provimento ao agravo e, consequentemente, mantida a liminar agravada, antes concedida, sendo dezenove votos a favor de sua manutenção, e cinco votos contrários, não votando o Presidente do Tribunal, como estabelece o Regimento Interno.
Por derradeiro, o julgamento final do mencionado mandado de segurança ocorreu em 03/maio/2010, com a seguinte decisão: em continuação, por maioria de votos, concedeu-se a segurança, nos termos do voto do Relator, que foi acompanhado pelos Desembargadores cujos nomes podem ser conferidos no site do Tribunal de Justiça, acessando-se o processo questionado, vencido apenas um, que a denegava.
Assim sendo, o referido mandado de segurança, examinado por vinte e quatro Desembargadores, foi concedido na forma do meu voto como Relator, e de mais vinte votos dos demais Desembargadores, que me acompanharam, vencido apenas um deles, sendo que outro afirmou sua suspeição, e o Presidente, e o Presidente que não votou, na forma do Regimento Interno, pois só votaria em caso de desempate.
Agora, passados mais de seis anos da data do julgamento, um Conselheiro “canalha” do Tribunal de Contas do Estado, que naquela época foi beneficiado com a decisão no referido mandado de segurança, estando atualmente envolvido num escândalo de corrupção, para tentar salvar-se das malhas da lei, em delação premiada, acusou os demais Conselheiros de crimes idênticos aos seus, e ofendendo a honorabilidade da Magistratura Fluminense, proclamou que um outro Conselheiro havia pago propina a um Desembargador, cujo nome não se recordava, para ser beneficiado com uma liminar, e a TV Globo, através de seu noticiário jornalístico, “Globo News”, ofendendo a dignidade e a honra pessoal deste modesto Desembargador aposentado, jogou na mídia que quem havia dado liminar no caso em tela foram os Desembargadores Luiz Leite Araujo e Nascimento Póvoas.
Quero afirmar e reafirmar aos meus amigos e ao povo de minha terá: Não sou corrupto. Não recebi propina. Aliás, tudo não passa de uma ilação para manchar meu nome, haja vista que não se proclamou quem pagou a propina, nem quem recebeu a propina, nem que tipo de propina era, nem quanto foi o valor ofertado da propina, nem como ela foi paga, nem quem entregou o respectivo valor, nem onde foi entregue, se no Tribunal de Justiça, ou na casa do Desembargador, sendo, portanto, inverídica, perniciosa e caluniosa essa insinuação deslavada do referido Conselheiro e de órgão de notícias da Rede Globo de Televisão a meu respeito.
Com estes esclarecimentos, que entendi que precisavam ser dados, quero apresentar meus melhores agradecimentos aos meus amigos, bem como à imprensa e ao povo da minha terra, pelo apoio moral que venho recebendo de todos, que é o que muito me conforta.
Graças a Deus continuo de cabeça erguida.
Abraços. Muito obrigado.

Itaperuna Terça-feira 04/04/17  00:10 – Desembargador Itaperunense citado em delação premiada diz que está com sua consciência tranquila

Foto:Facebook

Procurado pelo Blog do Adilson Ribeiro, Dr Luiz Leite declarou que está com sua consciência tranquila pois nunca aceitou receber Propina de ninguém e da forma educada e gentil que lhe é peculiar, disse que no momento é só que tem a dizer sobre o que chamou de falsas acusações.

ENTENDA:

Blog do Adilson Ribeiro

Campos – RJ – Quarta Feira – 19:25 – Policial militar morre após complicações decorrentes de um acidente de moto

Subtenente Cláudio Laurindo era comandante do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Goytacazes

O subtenente da Polícia Militar, Cláudio Laurindo, morreu nesta quarta-feira (12), em Campos. Vítima de embolia pulmonar, o policial se recuperava em casa de uma cirurgia na bacia e passou mal. Ele foi socorrido para o Hospital Ferreira Machado, mas não resistiu. Laurindo sofreu um acidente de moto, no mês de março, passou por cirurgia e recebeu alta na sexta-feira da semana passada (7). De acordo com o major Aluísio Luz, subcomandante do 8º Batalhão de Polícia Militar, um representante da corporação esteve na casa de Laurindo nesta quarta-feira (12).

“O subtenente que foi visitá-lo voltou com informações de que ele estava muito bem, se recuperando da cirurgia. Mas logo após a nossa saída, soubemos que ele passou mal e foi socorrido”, informou. Laurindo era comandante do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Goytacazes e foi candidato a vereador na eleição de 2016. “Ele era um ótimo policial e muito querido por todos. Ficamos chocados com essa notícia”, lamentou major Luz. O corpo de Laurindo será levado para o Instituto Médico Legal de Campos. O comando da unidade emitiu uma nota de pesar sobre o fato.

“É com pesar que o 8º Batalhão comunica o falecimento do subtenente PM Cláudio Henrique Laurindo de Carvalho. À família enlutada apresentamos nossos sentimentos de solidariedade e respeito pela imensa dor que, com certeza, invade a alma e dilacera qualquer entendimento de lógica. Aos amigos e admiradores, também prestamos sinceras condolências desejando força, serenidade e conforto aos corações”.

..

 

Fonte: Jornal Terceira Via

.2017 © Todos os Direitos Reservados.