Date – 8 junho, 2017

Campos-RJ – Quinta Feira – 18:00 – Raiva mata animais e o caso já é tratado como surto

Dois casos de raiva animal foram confirmados em Campos nesta quinta-feira (08/06) pelo Núcleo de Defesa Agropecuária da Região Norte e Noroeste Fluminense. Segundo o chefe, Cláudio Vilela, os cavalos foram descobertos na localidade de Ponta da Lama. Um morreu no dia 25 do mês passado e o outro, cinco dias depois. Para Cláudio, o caso já pode ser considerado como surto.

De acordo com Cláudio, os animais foram para o Hospital Veterinário da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), onde foi feita a coleta do material e encaminhada para análise em Niterói. “Outros casos suspeitos foram detectados em Lagoa de Cima, por isso afirmamos que o vírus da raiva está circulando na região”, comentou o chefe, esclarecendo que na região existem muitos animais soltos, pois há necessidade de vacinação dos mesmos.

“O homem não deve ter nenhum contato com o animal doente. Aqueles que tiveram, devem tomar vacina contra a raiva, assim como foi feito com os estudantes da Uenf, que tiveram contato com os animais mortos. A pasta vampiricida é uma alternativa para controlar a população de morcegos, responsáveis pela transmissão da doença”, disse Vilela, informando que não possui informação de seres humanos infectados pela doença.

 

DOENÇA

A raiva é uma encefalite aguda viral transmitida através da mordedura de animais doentes e portadores, e que se caracteriza por um quadro neurológico fatal. Também conhecida como hidrofobia, a raiva é uma zoonose e o profissional responsável pelo seu controle é o médico veterinário.

Estima-se que a raiva seja responsável pela morte de cerca de 50.000 bovinos por ano no Brasil.

A raiva bovina é geralmente transmitida pela mordedura de morcegos hematófagos, que atuam como portadores, reservatórios e transmissores do vírus da raiva. No Brasil, a espécie mais importante é a Desmodus rotundus. O vírus encontra-se na saliva do animal e, obviamente, é necessário que a saliva tenha contato com a ferida, pois o vírus não atravessa a pele íntegra. Existem também relatos da transmissão por via aérea que ocorre em cavernas (muito importante entre os morcegos) e locais fechados que abrigam animais doentes. Pode-se ainda, ocorrer a transmissão acidental através da utilização de vacinas vivas e durante a necropsia de animais afetados pela doença.

Após a transmissão, o vírus desloca-se para o sistema nervoso e o curso da doença leva em média 10 dias. O período de incubação da enfermidade varia de 3 a15 semanas.

Nos bovinos a forma clínica mais comum é a raiva paralítica, entretanto, podem ocorrer casos de raiva furiosa.

..

 

Fonte: Ururau

Quinta Feira – 17:15 – Aprovada mudança de regras para pensões do funcionalismo do RJ

Uma delas prevê manutenção da pensão para filhos ou dependentes de servidores com até 24 anos, desde que estejam na universidade

A Assembléia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou nesta quarta-feira (07) um projeto que altera as regras para concessão de pensões por morte para os dependentes de servidores públicos estaduais. Por 40 votos a 19, os deputados aprovaram o texto-base do projeto e acolheram duas das mais de 250 emendas propostas na Casa. Uma das emendas prevê a manutenção da pensão para filhos ou dependentes de servidores com até 24 anos de idade, desde que estejam na universidade – o governo estadual, que apresentou o projeto, queria que o limite de idade fosse fixado em 21 anos. Os servidores da área de segurança pública também foram contemplados com uma emenda ao projeto, segundo a qual as novas regras não valerão para policiais civis e militares, bombeiros, agentes penitenciários e do Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase). Com as novas regras, segundo o governo, o Rioprevidência – responsável pelo pagamento de aposentadorias e pensões ao funcionalismo estadual – estará alinhado com o sistema previdenciário dos servidores federais. O projeto aprovado nesta quarta é parte do esforço para sanear as contas da previdência do estado, que deve fechar 2017 com um déficit de R$ 13 bilhões. A sessão que aprovou o projeto de autoria do Poder Executivo foi bastante confusa, já que o relator, deputado Edson Albertassi (PMDB), também líder do governo na Casa, apresentou para votação um texto que incluía várias das emendas apresentadas. O resultado, porém, desagradou a muitos dos parlamentares, levando Albertassi a descartar o texto. A votação só foi possível após um acordo entre deputados da base e da oposição, mesmo sem consenso quanto ao texto final. Albertassi ficou responsável por redigir um novo texto, que deve ser publicado no Diário Oficial do estado na sexta-feira (9).

..

 

Fonte: Campos 24h

Quinta Feira 14:40h – Homem atira diversas vezes contra jovem em Bom Jesus do Itabapoana

Um rapaz de 20 anos, que não teve a identidade revelada, saiu ileso de uma tentativa de homicídio da qual foi vítima na noite desta quarta-feira (07), no bairro Pimentel Marques, Bom Jesus do Itabapoana. De acordo com informações do 29º BPM, o serviço de radiopatrulha teria sido acionado por volta das 20:30h, por moradores da comunidade que relatavam terem ouvidos disparos na Rua Aristide Figueiredo e localizaram o jovem em casa, que afirmou que outro homem, atirou diversas vezes contra ele, mas não o atingiu. O suspeito apesar de procurado, não havia sido encontrado. A 144ª Delegacia registrou e instaurou inquérito para esclarecer os fatos.

Fonte: Rádio Natividade

Toda semana tem novidades na SÓ BAG! TODA A LOJA DE R$1,99 À R$45,00.Dia dos namorados é na SÓ BAG! Não perca!! Em Itaperuna na rua da Casa e Vídeo ao lado da rodoviária Em Raposo na rua da Água Raposo. NA SÓ BAG TODA SEMANA TEM NOVIDADES!!

.2017 © Todos os Direitos Reservados.