Date – 4 outubro, 2017

Quarta-feira – 23:10 – Gêmeos de 4 anos morrem atropelados a caminho da escola

As vítimas estavam acompanhadas da mãe em uma bicicleta. Ela foi atingida na perna e levada para o hospital

Um acidente envolvendo uma carreta deixou irmãos gêmeos, de 4 anos, mortos, na manhã desta quarta-feira (4), no bairro Vila Nova, em Vila Rica, cidade que fica a 1.276 quilômetros de Cuiabá. O motorista do veículo fugiu após o ocorrido, mas foi preso horas depois na casa dele, segundo informações do G1.

No momento da colisão, as vítimas estavam acompanhadas da mãe, em uma bicicleta. A mulher, que também ficou ferida, levava os filhos para a creche. De acordo com a polícia, o condutor fez uma curva e a parte traseira subiu na calçada, atingindo a bicicleta. O homem foi encaminhado para a delegacia para prestar esclarecimentos.

Fonte: Notícias ao Minuto

Quarta-feira – 22:35 – Homem é preso com pedras de cocaína dentro de ônibus que seguia para Itaperuna

Um homem de 24 anos foi preso por envolvimento com o tráfico de drogas após policiais militares terem encontrado em sua bagagem. O acusado estava dentro de um ônibus que foi abordado na altura do KM 115 da BR-356, em Outeiro, distrito de Cardoso Moreira.

Na bolsa os PMs encontraram cinco pedras brancas, que totalizaram 188 gramas de cocaína. O acusado informou que buscou o material com uma pessoa na rodoviária de Campos e que seguia para entregar a um homem no bairro Niterói, em Itaperuna.

O acusado foi encaminhado para a 148ª Delegacia Legal de Italva, onde foi autuado por tráfico e drogas. O mesmo será levado para uma unidade prisional do Estado.

Fonte: SFN

CHEGOU BABY CENTER – O Melhor e o mais seguro para o seu bebê! Av. Coronel José Bastos Bairro Aeroporto, ao lado do Posto Itavana, Itaperuna RJ

Blog Adilson Ribeiro

Quarta-feira – 22:10 – Polícia diz que objeto apreendido em comunidade no Rio é arma de guerra

A Polícia Militar anunciou a apreensão de um artefato com características de lança-rojão encontrado em uma comunidade de Santa Cruz, Zona Oeste do Rio, na manhã desta quarta-feira. Durante a tarde, o delegado titular da 36ª DP (Santa Cruz), onde o caso foi registrado, confirmou que o objeto – localizado em um terreno abandonado na área do Rola – se trata de uma arma de guerra verdadeira, com base em uma primeira avaliação realizada pelo Esquadrão Antibombas.

“O Esquadrão Antibombas fez uma avaliação preliminar e nos passou que a arma se trata de um lança-rojão de 67 mm, anti-tanque, do tipo ‘armbrust’. A arma seguiu direto para perícia no Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE), pois estava com a ogiva dentro e já de forma engatilhada”, declarou o delegado Luis Jorge Rodrigues da Silva.

Somente após a perícia oficial do ICCE, no entanto, será possível confirmar o tipo de arma encontrado com 100% de precisão.

Ao analisar as imagens para o EXTRA, o diretor da Associação Brasileira de Profissionais de Segurança (ABSEG) no Rio de Janeiro e especialista em armas Vinícius Domingues Cavalcante também identificou o armamento como sendo uma ‘armbrust’, de fabricação alemã e largamente produzida durante o período da Guerra Fria. Ela é considerada um lançador de foguete descartável, de um único tiro; e anti-tanque, ou seja, projetada para destruir carros de combate e outros veículos blindados.

“O tubo é descartável depois do disparo e, pelas fotos, dá para ver a munição dentro (o foguete vermelho de ponta), mas daí a considerar que o foguete é ‘vivo’, que está em condições de disparo, é mais complexo”, diz Cavalcante.

Armas como a ‘armbrust’ são de uso restrito das Forças Armadas.

“Nós já encontramos aqui lançadores de foguete M-72 (Law 66 mm), um outro tipo, em condições de uso, e a criminalidade nunca usou. A diferença é que o M-72 tem inscrições na lateral do tubo ensinando o soldado analfabeto como vai disparar. Um monte de Forças Armadas na América Latina, inclusive em países limítrofes com o Brasil (como Argentina, Peru, Colômbia e Venezuela), utilizavam o M72. A única que usava o armbrust, como o que foi encontrado hoje pela polícia, era o Chile. O fato de existir no Exército Chileno não é significativo para explicar como é que um deles apareceu numa favela do Rio de Janeiro”, destaca o profissional, salientando que nunca teve a oportunidade de ter um exemplar do Armbrust nas mãos para examinar, como já fez com o M-72 e o AT-4.

O especialista acredita que, mesmo tendo em mãos um artefato com capacidade de disparar projéteis de 67 mm e com um alcance de fogo efetivo de 300 m, criminosos não estariam aptos a manuseá-lo:

“Eu acredito que o potencial dessa arma seja muito mais de dissuasão psicológica do que efetivamente uma coisa que algum criminoso vá disparar contra um veículo policial, por exemplo. Pode destruir um caveirão? Talvez possa, dependendo do tipo de foguete que está dentro, mas eu pergunto: quem dos criminosos teria condições de operá-lo e faria um disparo certeiro com ele? Essa arma não é empregada no Brasil e esse modelo deixou de ser fabricado há mais de 12 anos”, afirma Cavalcante.

Durante a incursão pela comunidade do Rola nesta quarta-feira, os PMs também recuperaram uma moto roubada e apreenderam drogas, sendo 540 papelotes de cocaína e 118 trouxinhas de maconha.

Fonte: Extra online

Quarta-feira – 21:50 – CCJ APROVA DEMISSÃO DE SERVIDOR POR INSUFICIÊNCIA DE DESEMPENHO

De acordo com o texto aprovado, o servidor correrá o risco de ser demitido quando obtiver conceito N (não atendimento) nas duas últimas avaliações

Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado aprovou nesta quarta-feira (4) regras para a demissão de servidor público estável por ‘insuficiência de desempenho’. A regra é aplicável a todos os Poderes, nos níveis federal, estadual e municipal.

Pelo texto, o desempenho funcional dos servidores deverá ser apurado anualmente por uma comissão avaliadora e levar em conta, entre outros fatores, a produtividade e a qualidade do serviço. O servidor terá direito ao contraditório e à ampla defesa.

De acordo com o texto aprovado, o servidor correrá o risco de ser demitido quando obtiver conceito N (não atendimento) nas duas últimas avaliações ou não alcançar o conceito P (atendimento parcial) na média das cinco últimas avaliações.  O servidor poderá pedir reconsideração ao setor de recurso humanos dentro de dez dias de sua divulgação. A resposta terá de ser dada no mesmo prazo.

Ainda haverá a possibilidade de recorrer da decisão de negar, total ou parcialmente, o pedido de reconsideração. Essa a possibilidade só será aberta ao servidor que tiver recebido conceito P ou N.

Esgotadas todas essas etapas, o servidor estável ameaçado de demissão ainda terá prazo de 15 dias para apresentar suas alegações finais à autoridade máxima da instituição onde trabalha. O substitutivo deixa claro também que a insuficiência de desempenho relacionada a problemas de saúde e psicossociais poderá dar causa à demissão, mas apenas se a falta de colaboração do servidor no cumprimento das ações de melhoria de seu desempenho não decorrer exclusivamente dessas circunstâncias.

Em seu parecer, o senador Lasier Martins (PSD-RS), relator do projeto, transferiu a responsabilidade da avaliação do chefe imediato para uma comissão. Ao justificar sua opção, Lasier disse que nem sempre o chefe imediato é um servidor estável, mas sim um comissionado sem vínculo efetivo com a administração pública.

Ele também levou em consideração o temor de entidades representativas dos servidores de deixar exclusivamente a cargo da chefia imediata uma avaliação que pode levar à exoneração de servidor estável.

A matéria ainda passará por três comissões, a começar pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

(Com Agência Senado)

Fonte: Veja

Miracema – Quarta-feira – 21:20 – PM apreende drogas escondidas junto das roupas de bebê

Nesta terça-feira (03), um menor foi detido por crime análogo ao tráfico de drogas, após cumprimento de mandado de busca e apreensão na comunidade Vila Nova, Miracema. Militares do 36º BPM com o documento em mãos, logo cedo, seguiram para a Rua Nair Vilaça e diante da negativa dos ocupantes da residência em permitir o acesso ao interior do imóvel, tiveram de arrombar a porta, encontrando três pessoas ainda dormindo.

O alvo da operação, seria o adolescente H.O.C., de 17 anos, que encontra-se na companhia da namorada, de 20. Após vasculharem o local, os PMs localizaram na mochila onde estavam roupas e pertences do bebê, filho do casal, 33 papelotes de cocaína, 13 buchas de cocaína, além de material para endolação. O caso foi apresentado ao plantão da 137ª Delegacia, onde o infrator foi autuado por crime análogo ao tráfico de entorpecentes, permanecendo apreendido para posterior apresentação ao Ministério Público e Juizado de Menores. Os demais envolvidos, após depoimento, foram liberados.

Fonte: Rádio Natividade / foto meramente ilustrativa

.2017 © Todos os Direitos Reservados.