Date – 6 outubro, 2017

Sexta Feira 14:45h – Seis pessoas são presas em operação conjunta das Polícias Civil e Militar em Bom Jesus do Itabapoana

A Operação conjunta entre as polícias Civil e Militar nesta quinta-feira (05), em Bom Jesus do Itabapoana, terminou com saldo de três maiores presos e outros três adolescentes apreendidos ao longo do dia na cidade. Todos estariam sendo investigados por envolvimento com o tráfico de drogas, porte ilegal de arma, dentre outros delitos.

De posse dos documentos expedidos pelos juízes Luiz Alberto Nunes e Fabíola Costaloga, agentes da 144ª Delegacia e 29º BPM, se dividiram em equipes e iniciaram o cumprimento das ordens, nos bairros Pimentel Marques, Centro, além da vizinha Bom Jesus do Norte (ES).

Tiveram as prisões decretadas e já estão na Casa de Custódia de Itaperuna, Michael Francisco Vieira, de 20 anos; Bruno Borges Marques e Vítor de Souza Oliveira, ambos de 22. Foram apreendidos e recolhidos a unidades socioeducativas, a adolescente M.S.S.B., além dos rapazes, J.J.A.S. e M.R.S.C., todos de 16.

Alguns dos envolvidos, de acordo com fontes policiais, chegaram a gravar vídeos veiculados através de redes sociais, nos quais ostentavam armas e ameaçavam rivais. No interior da residência de dois irmãos detidos, os policiais ainda encontraram 21 buchas e duas mudas de maconha. Ambos ainda responderão por tráfico.

Fonte: Rádio Natividade

CHEGOU BABY CENTER – O Melhor e o mais seguro para o seu bebê! Av. Coronel José Bastos Bairro Aeroporto, ao lado do Posto Itavana, Itaperuna RJ

Blog Adilson Ribeiro

Sexta Feira 14:00h – Bebê de 4 meses é diagnosticada com DST após abuso sexual

Internada há uma semana no Hospital da Criança João Vargas de Oliveira, em Ponta Grossa, no Paraná, a bebê de quatro meses diagnosticada com tricomoníase, uma doença sexualmente transmissível (DST), deverá ter alta na próxima terça-feira. Segundo a Polícia Civil, não havia sinais de violência física na região íntima do bebê, mas foi coletado sêmem na vagina dela.

Segundo o diretor clínico do hospital e pediatra Lauro Schoenberg Filho, a criança respondeu bem ao tratamento.

— Ela passa muito bem. Recebeu a medicação necessária e a infecção já está controlada. Apenas estamos esperando a decisão da Vara da Infância e Juventude para a liberação — , disse.

Schoenberg esclareceu que a bebê será encaminhada para o abrigo Pequeno Anjo, também em Ponta Grossa, até que seja decidido se ficará sob os cuidados da avó materna ou de uma tia.

De acordo com a delegada Ana Paula Cunha de Carvalho, do Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria), as investigações giram em torno de três suspeitos: o irmão da garota, de 13 anos; o pai da criança, de 42 anos; e ainda o pai de outra irmã da vítima. Todos já foram ouvidos e se dispuseram a oferecer material genético para comparação. As amostras já foram coletadas e encaminhadas para o IML de Curitiba.

O crime passou a ser investigado quando a mãe, de 29 anos, foi à delegacia e mostrou uma foto da região íntima da menina, que apresentava uma secreção incomum. A foto havia sido tirada quatro dias antes da procura por ajuda. Após a denúncia, no dia 28 de setembro, o bebê foi imediatamente encaminhado para o hospital. A suspeita inicial era de infecção urinária, mas a bateria de exames constatou a doença sexualmente transmissível.

A mãe foi levada à delegacia para formalizar o boletim de ocorrência no dia 29 de setembro e acabou presa porque havia contra ela um mandado de prisão por assalto a mão armada, cometido em 2015. Em depoimento, a avó materna confirmou que a mãe é usuária de drogas e que a casa é frequentada por muitas pessoas, segundo a polícia.

Segundo a delegada, a mãe estava nervosa no primeiro depoimento à polícia e foi muito evasiva nas respostas. Ela será ouvida novamente na segunda-feira.

— Ela afirmou que queria encontrar o culpado pelo crime, mas ao mesmo tempo não nos passou todas as informações que nos ajudariam a solucionar esse caso. Ela disse inclusive que não era mais usuária de drogas, o que foi desmentido por todas as testemunhas que ouvimos – afirmou.

* estagiária sob supervisão de Carla Nascimento

Fonte: Extra

Leopoldina – Sexta-feira – 14:00 – menores tentam assaltar restaurante e são baleados por delegado, veja vídeo, fotos e informações abaixo:

 

Dois adolescentes, de 14 e 17 anos, tentaram assaltar um restaurante no Centro da cidade de Leopoldina – a 60 km de Muriaé – e foram baleados por um delegado da Polícia Civil (PC) que estava no estabelecimento e reagiu à ação dos menores. O fato aconteceu no fim da noite desta quinta-feira (5) e os dois jovens, que usavam “toucas ninjas”, foram apreendidos, bem como um revólver, com quatro cartuchos intactos e dois deflagrados e uma motocicleta .

Em nota (íntegra ao final do texto), a PC informa que o delegado se identificou e revidou a tiros disparados em sua direção por um dos autores. O segundo menor baleado fugiu correndo, mas foi capturado em seguida. Ambos os adolescentes foram atingidos nas pernas e encaminhados à Casa de Caridade Leopoldinense, sob escolta policial.

Ainda segundo o comunicado da Polícia Civil, os dois jovens possuem diversas passagens policiais, incluindo ocorrências de homicídio, tráfico de drogas e roubo, e foram apreendidos em flagrante pelos atos infracionais análogos aos crimes de roubo e homicídio, ambos na modalidade “tentado”.

Veja a nota da PCMG

“Na noite do dia 05 de outubro, os adolescentes entraram em um restaurante da cidade, encapuzados, e portando um revólver, anunciaram um assalto ao proprietário do restaurante que estava no caixa, chegando a subtrair o cordão da vítima, causando-lhe lesões.

O Delegado de Polícia Marcio Rocha Vianna Dias estava no restaurante e, percebendo a ação criminosa, abordou o infrator que estava com revólver, identificando-se como policial e ordenando que ele largasse a arma.

O menor apontou o revólver para o Delegado e efetuou dois disparos contra o policial, que revidou atingindo o infrator nos membros inferiores. O outro infrator correu em direção ao Delegado e também foi alvejado nos membros inferiores. Em 2013, o irmão da vítima foi assassinado no mesmo local enquanto trabalhava no restaurante.

Os dois infratores – que já possuem diversas passagens policiais, incluindo homicídio, tráfico de drogas e roubo – foram apreendidos em flagrante e encaminhados à Casa de Caridade Leopoldinense, onde permanecem internados, sem risco de morte, escoltados por equipes da 3ª Delegacia Regional de Leopoldina.

O auto de apreensão em flagrante foi presidido pelo Delegado Regional de Leopoldina, Dr. Carlos Eduardo Santos Rodrigues. A arma utilizada pelos infratores também foi apreendida, bem como a motocicleta utilizada e as toucas que usavam para cobrir os rostos.

Dr. Marcio Rocha Vianna Dias é Delegado de Polícia Nível Especial, policial há 16 anos. Durante cindo anos foi integrante da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) da Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro”.

Fonte : Rádio Muriaé / PCMG

Sexta Feira 13:40h – Jovem é executado com 24 tiros nesta manhã em Campos

Um jovem identificado como Robson de Abreu Machado, de 24 anos, foi executado com 24 tiros na manhã desta sexta-feira (06) no cruzamento da Rua Dois e Avenida Nilton Guaraná, na Vila Manhães, em Campos.

De acordo com a polícia, populares informaram que a vítima estava em frente a um comércio, que no momento do crime estava fechado, e homens chegaram efetuando vários disparos. No local foram encontradas 24 cápsulas de calibre 9 mm.

Não há informações sobre autoria e motivação do crime.

O corpo será removido para o Instituto Médico legal (IML).

Fonte: Campos 24 Horas

.2017 © Todos os Direitos Reservados.