Blog do Adilson Ribeiro

Campos dos Goytacazes – Sexta-feira – 19:40 – Homem apontado como pedófilo é apresentado em coletiva na 134ª Delegacia do Centro. Clique na imagem para mais informações:

Um homem apontado pela Polícia Civil como pedófilo foi apresentado na manhã desta sexta-feira (29/03), em coletiva na 134ª Delegacia do Centro. Ele era servidor público e trabalhou em escola da rede municipal até julho de 2018.

A Delegada assistente da 134ª Delegacia do Centro, Natália Patrão informou como o caso aconteceu. “Na semana passada a gente recebeu na delegacia, pais de crianças que variam entre 7 e 12 anos noticiando o fato de que um homem estaria aliciando essas crianças, as levando para residência dele e oferecendo doces, balas, lanches, dinheiro, benefícios de jogos eletrônicos em troca de sexo oral”, explicou.

A Delegada Natália Patrão declarou como o homem atuava “Ele chegava até as crianças por freqüentar praças de Campos, lugares de jogos de futebol, onde tinham crianças soltando pipa. Ele fazia amizade, pagava lanches na praça, depois que ganhava a confiança das crianças, arrumava uma desculpa para levar para a residência”, destacou.

O homem já tem histórico de casos semelhantes em outras cidades. “Ele tem três passagens pela polícia. Neste momento, ele está respondendo em flagrante que ele foi preso por armazenar imagem contendo cenas pornográficas de crianças e ele vai responder depois por estupro de vulnerável e o inquérito que já existe e ele vai responder por mandado de prisão que foi cumprido ontem contra ele”, declarou a Delegada Natália.

A delegada também informa que a população que foi vitima do homem pode procurar a delegacia.

“A gente convida com essa imagem quem tiver sido vitima, pais que tiverem filhos vitimas que se encorajem. Não é uma vergonha, isso é uma punição e uma prevenção colaborando com outros pais que estão ao seu lado para que o homem não retorne a sociedade”.

Na ação foram apreendidos um aparelho celular, tablet e laptop. Foi detido com base no Artigo 241 do ECA por conter no celular armazenado fotos que contenham cenas pornográficas. Além disso, as crianças reconheceram o homem, e ele confessou os fatos.

Fonte: Ururau.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *