Search Results for – ""

Alegre – Sábado – 17:10 – Acidente com caminhão de leite mata motorista

A vítima ficou presa às ferragens e morreu no local. O acidente ocorreu na noite da última sexta-feira (20), em um local conhecido como a ‘curva do boi’, no trecho que liga Alegre ao município de Guaçuí

Um motorista de 53 anos morreu na noite da última sexta-feira (20), após um grave acidente ocorrido na BR-482 na serra de Alegre. Sebastião César de Araújo, que residia em Jerônimo Monteiro, ficou preso às ferragens e morreu no local. O acidente ocorreu por volta das 20h10, no local conhecido como ‘curva do boi’, no trecho que liga o município a Guaçuí.

 

De acordo com informações da Polícia Militar, Sebastião conduzia um caminhão tanque, carregado com leite, seguia no sentido Guaçuí x Alegre, quando perdeu o controle do veículo na curva, invadiu a pista contrária e capotou às margens da rodovia. O veículo só parou ao bater em uma árvore. Ele estava sozinho no veículo.

 

Com o impacto da batida, o veículo ficou completamente destruído. O trânsito não precisou ser interrompido no trecho. Familiares da vítima foram até o local acompanhar os trabalhos da Perícia. A Polícia Civil de Alegre vai apurar as causas do acidente.

O corpo de Sebastião foi encaminhado ao Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro.

Fonte: Folha Vitória

Itaperuna – Sábado – 16:40 – Energia continuará mais cara em novembro devido a falta de chuvas

Se o cenário hidrológico permanecer desfavorável, com o registro de chuvas abaixo da média histórica, a tarifa elétrica em novembro poderá permanecer no “patamar 2”, que adiciona R$ 3,50, a cada quilowatt-hora (Kwh) consumido.

Segundo a Agência Brasil, o assunto será tema da reunião da agência na próxima terça-feira (24). Na ocasião, a agência deverá lançar uma consulta pública para discutir a metodologia de acionamento das bandeiras, que, atualmente se baseia no valor do Custo Marginal de Operação (CMO) para o próximo mês.

Isso significa que, se houver um grande volume de chuva nos próximos dias, o modelo toma essa precipitação para constituir o valor futuro, mesmo que as chuvas diminuam.

Fonte: JBN

Itaperuna – Sábado – 16:10 – Cidadão reclama que sua rua parece um lixão

“Adilson Ribeiro boa tarde ,queria pedia sua ajudar para ver se conseguiria através de seu blog , pedir as autoridades competentes que pudesse vim aqui na nossa rua para pode dar um geral ,nossa rua está tipo um lixão .rua Arlinda vieira leal ,bairro são Matheus depois da igreja nossa senhora Aparecida primeira direita.me ajude, obrigado”

Foto e Informações enviadas ao Blog do Adilson Ribeiro Via WhatsApp:(22)9.9601-1115.

Itaperuna – NÃO PERCA TEMPO – Residencial Antônio Mendes Martins – ÚLTIMAS UNIDADES À VENDA

O residencial Antônio Mendes Martins é o mais novo lançamento imobiliário na cidade de Itaperuna, algo inovador e marcante para a construção civil local, serão duas torres com apartamentos de dois e três dormitórios com varanda gourmet, duas vagas de garagem para cada unidade, lazer completo, quatro salões de festas, duas academias, duas brinquedotecas, quatro elevadores nos blocos e um elevador panorâmico de acesso ao lazer.
Parcelas mensais de R$2000 e R$2500, entrada facilitada para dezembro de 2017, apenas R$7.500
Estamos de plantão no local, restam poucas unidades

Informações e Vendas: 22-9-9835-5563

Sábado – 15:15 – Mesmo com empréstimo, Estado não garante pagar salários em dia até o fim de 2017

O governo do Rio já reconhece a possibilidade de encerrar 2017 sem colocar os salários dos seus servidores em dia. Nesta quinta-feira, em audiência feita pela Comissão de Tributação da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), o assessor da secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento (Sefaz), Fábio Rodrigo Assunção, admitiu que o valor previsto com o empréstimo que terá como garantia as ações da Cedae poderá não ser o suficiente para colocar as contas em dia.

Assunção reforçou que o empréstimo de R$ 2,9 bilhões vai solucionar o atraso atual da folha, caso do 13º salário pendente de 2016, vencimentos mensais e gratificações atrasadas. Ele reconheceu, porém, que as demais folhas até o fim do ano (outubro e novembro) correm risco.

— Temos observado uma melhora na receita. A previsão do Governo do Estado é quitar os salários e não ter mais atrasos. Mas não temos como confirmar se vamos finalizar 2017 com os vencimentos quitados — afirmou.

O novo panorama, ainda segundo Assunção, se dá pela redução do valor do empréstimo. Antes, o governo do Rio trabalhava com a receita de extra de R$ 3,5 bilhões. Após revisão feita pela União, o valor do empréstimo foi reduzido a R$ 2,9 bilhões.

Fonte: Extra online

.2017 © Todos os Direitos Reservados.