Terça-feira / 15:55h – Padre que teve foto pornográfica postada nas redes sociais pode voltar a celebrar missa

padre

O padre de Natividade, Norte Fluminense, que foi afastado após aparecer nu em fotos divulgadas em Miracema, sua antiga paróquia, poderá voltar a exercer suas funções caso não haja mais denúncias contra ele. É o que afirma o Bispo de Campos, Dom Roberto Francisco Ferrería Paz.

Na última semana, o padre que estava à frente da Igreja Santo Antônio, também conhecida como Igreja Matriz, em Miracema, e havia sido transferido para Natividade, apareceu envolvido em uma polêmica, deixando a população local chocada. O padre teria trocado fotos eróticas com uma mulher e a mesma, por vingança, espalhado as imagens em redes sociais.

O padre confessou o “crime”, forma como o Bispo Dom Roberto classifica o ato cometido pelo pároco, que faltou com suas funções sacerdotais como reza o sexto mandamento.

“O padre perdeu o uso da ordem e não poderá exercer o ministério durante um ano, mas isso não quer dizer que ele tenha sido excomungado ou expulso da igreja. Ele está um ano afastado e, se dentro deste prazo, ele demonstrando arrependimento e se não houver novas denúncias, ele poderá voltar a celebrar uma missa”, explica Dom Roberto.

Ele explica que não existe uma sindicância aberta, uma vez que houve o fato (divulgação das fotos) já apurado e a confissão do padre e, a partir disso, a sanção já foi aplicada.

 

Fonte: O Diário de Campos