Blog do Adilson Ribeiro

Sexta-feira – 23:15 – Menino de 7 anos tem três dedos amputados após bomba explodir na mão dele . Click na foto e veja a matéria completa:

Um menino de 7 anos teve três dedos amputados, depois que uma bomba explodiu na mão esquerda dele, na sexta-feira (6), em Sinop, a 503 km de Cuiabá. Os pais de Jancarlos Albert de Lima, registraram um boletim de ocorrência contra o estabelecimento por deixar o produto ao alcance de crianças.

Segundo o relato da dona de casa, Janete Albert de Lima, mãe de Jancarlos, o menino estava no supermercado que fica ao lado da casa da avó dele, na companhia de um tio.

A criança contou a ela que viu o produto, pegou duas bombas sem pagar e voltou para a casa da avó. No local, ele acendeu uma delas e, por consequência, a segunda também foi acesa.

Antes que Jancarlo pudesse soltar a bomba, o produto explodiu na mão dele. De acordo com a mãe, a bomba que explodiu é de fácil combustão.

O menino foi internado e teve três dedos da mão esquerda amputados. Ele também teve fratura na mão, mas só poderá colocar gesso após a cicatrização dos pontos.

Jancarlos também teve ferimentos na barriga, no braço e teve alta no domingo (8).

A família registrou um boletim de ocorrência para que o estabelecimento tome providências e não deixe bombas ao alcance de outras crianças.

“Além dele, tinha outros dois sobrinhos meus menores que ele no mercado. Já pensou se atingisse os outros meninos?”, questionou Janete.

Segundo a mãe, o estabelecimento já alterou o local de armazenagem das bombas.

O G1 tentou contato por telefone com o estabelecimento comercial, mas as ligações não foram atendidas.

Fonte: G1

Um comentário sobre “Sexta-feira – 23:15 – Menino de 7 anos tem três dedos amputados após bomba explodir na mão dele . Click na foto e veja a matéria completa:

  1. Binho

    Pegou 2 bombas sem pagar? Roubou. B.O deveria ser pra averiguar a origem do fogos, de onde veio? Armazenamento e tal. Infelizmente o acidente aconteceu, fatalidade e menos mal q Adriana não morreu, mas ele fez o errado e pagou pelo erro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *