Blog do Adilson Ribeiro

Sábado 15:44 – Conheça os cinco criminosos mais procurados de Guarapari. Clique na imagem abaixo e veja as fotos e informações….

 

Clique na imagem acima e inscreva-se no Vestibular
da UNIG

 

Delegado Franco Maline, DHPP de Guarapai

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) divulgou uma lista com fotos e nomes de cinco criminosos procurados pela Justiça. Todos são acusados de homicídios e considerados foragidos. Confira a lista:

 

Thiago Vieira de Oliveira, 22 anos. Morador do bairro Camurugi, contra ele existem três mandados de prisão, sendo dois por homicídio e um por tráfico de drogas.

Willian Zanoli, 34 anos. De acordo com a PC, ele é de Vila Velha, mas atua diretamente no tráfico de drogas na região norte de Guarapari e tem envolvimento com o conflito entre traficantes de Aribiri e Terra Vermelha para controlar o tráfico de drogas no bairro Santa Mônica. Mandado de prisão por homicídio.

Yuri Daniel, 37 anos. Ele é original do bairro Coroado e procurado por homicídio.

Marli Matos Batista, 41 anos. Do bairro Camurugi, ela é procurada por homicídio.

Hugo Poltronieri, 25 anos. Nascido no bairro Perocão, Hugo atualmente é procurado pelo crime de homicídio.

O titular da DHPP, delegado Franco Malini, explicou que estes criminosos continuam trazendo risco para a sociedade.  “Nós contamos com os moradores de Guarapari para poder encontrar estes elementos, que na maioria das vezes, continuam cometendo crimes. Qualquer informação que seja passada para nós será com absoluto sigilo”, explicou Malini.

Redes sociais. Além dos canais oficiais de denúncias, como o 181 e o 190, a DHPP criou um perfil no Facebook onde os moradores podem passar informações para ajudar a polícia.

“Qualquer morador pode entrar em contato com o Disque Denúncia 181 e passar informações sem qualquer preocupação, pois o sigilo é garantido. Além do 181, os moradores também podem buscar nossa fanpage no Facebook, que é o DHPP Guarapari e mandar informações inbox”, concluiu Franco Malini, que destacou que apenas ele terá acesso às informações passadas à DHPP pelo Facebook.

Texto e reportagem: João Thomazelli

Fonte: Portal 27

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *